Leila de Aguiar Costa

Mestre em Literatura Francesa pela Universidade de São Paulo (USP), doutora em Sciences du Langage pela École des Hautes Études en Sciences Sociales de Paris e pós-doutora pela Unesp/Araraquara e Unicamp (IEL e IFCH). É professora do Departamento de Letras e do Programa de Pós-Graduação em Letras desde 2009. É autora de A italianidade em Stendhal: heroísmo, virtude e paixão nas Crônicas Italianas e em A Cartuxa de Parma (Fundação Editora da Unesp, 2003), de Antigos e Modernos: a cena literária francesa na França do século XVII (Nankin Editorial/Edusp, 2009), de diversos capítulos sobre Literatura francesa, portuguesa e estudos literários publicados no Brasil, em Portugal e no Canadá, e, finalmente, de diversos artigos sobre as literaturas francesa e portuguesa publicados em revistas nacionais e estrangeiras. Como tradutora literária de textos franceses verteu para o português obras de Madame de Lafayette, Stendhal, Balzac, Maupassant e Atiq Rahimi. Em breve será lançado pela Rafael Copetti Editor, sua tradução de Croquis parisienses, de Joris-Karl Huysmans.